Dócil e interativo, o joão-de-barro também se chama amassa-barro*

SANDRA NASCIMENTO (Rio Sorocaba Conta Histórias/ * Da série Fauna do Sorocaba) - O joão-de-barro pode ser observado em campos, pastagens, jardins e em toda região de Sorocaba. Costuma ser visto pelo chão revirando folhas ou ciscando insetos em gramas, sobre pedras e em troncos caídos. Alimenta-se de formigas, minhocas, moluscos e até de farelo de pão que as pessoas deixam pelo caminho.

Saracura-do-brejo: ela é discreta e se esconde no silêncio. Seu canto anuncia chuvas*

SANDRA NASCIMENTO (Rio Sorocaba Conta Histórias/ Da série Fauna do Sorocaba) - A saracura-do-brejo gosta de viver nas áreas alagadas e de vegetação densa. As cores na plumagem ajudam a camuflá-la nas matas, onde é mais fácil ouvi-la do que vê-la. Em todas as terças e sextas, neste blog, informações sobre os bichos do rio Sorocaba.

Aves incríveis, cantadas em verso e prosa, habitam o rio Sorocaba

SANDRA NASCIMENTO - Algumas aves, bem diferenciadas por suas cores e tamanhos, estão sendo vistas frequentemente nas proximidades do rio. Para esta edição, apresentaremos cinco delas fotografadas às margens do Sorocaba na cidade de Boituva, pela fotógrafa Dag Astro. Foram escolhidas por inspirarem lendas, músicas, poesias e por fazerem parte do imaginário popular. (Blog Rio Sorocaba Conta Histórias)

Da idade antiga aos dias de hoje, as aves povoam a imaginação humana, o mundo e o rio Sorocaba

SANDRA NASCIMENTO - Talvez por saberem voar e provocarem a ideia de liberdade, as aves sempre causaram um grande encantamento nos homens. Várias culturas antigas – a egípcia, a grega, a romana, a suméria – as elegeram como divindades ou as destacaram como representantes de ideias ou conceitos, tornando-as, muitas vezes, criaturas lendárias e até... Continuar Lendo →

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: